Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (69) 3322-2589

Encontre o que deseja

NO AR

Nossa Manhã

    Política

Vereador que denunciou marido de prefeita é afastado da Câmara de Vereadores de Guajará-Mirim

Afastamento ocorreu durante sessão extraordinária na última terça-feira

Publicada em 02/03/23 as 17:01h por SGC - 32 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Reprodução)
O vereador, Rivan Eguez (PV), foi afastado do cargo de vereador da Câmara Municipal de Vereadores de Guajará-Mirim (RO), durante sessão extraordinária na última terça-feira (1º). No início de janeiro, o vereador havia denunciado o marido da prefeita do município por usar tratores da administração pública na fazenda da família.

Rivan Eguez está afastado, e não poderá ocupar uma cadeira da Câmara de Vereadores durante um período de 90 dias. Além disso, foi aberta uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apurar a conduta do vereador. Conforme a Câmara, Rivan Eguez, será investigado por acusar servidores e vereadores sem apresentar provas.

Segundo o entendimento dos vereadores, tais acusações causam mácula ao poder Legislativo de Guajará-Mirim. Além disso, a CPI apura se o vereador agiu com falta de decoro parlamentar. O relator da CPI é o vereador Kerling Brito.

Marido de prefeita é detido após denúncia
Em 12 de janeiro deste ano, o marido da Prefeita de Guajará-Mirim (RO), Antônio Bento do Nascimento, foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil após ser flagrado com supostos tratores da prefeitura na fazenda da família após denúncia do vereador Rivan Eguez (PV).

Conforme a denúncia, a fazenda pertence à família Bento, e no local haviam dois tratores da Secretaria Municipal de Obras sendo operados por dois servidores do município. O vereador acionou a PM (Polícia Militar) e gravou vídeos das máquinas sendo usadas na fazenda.

Os servidores ao notarem a aproximação da polícia fugiram do local. Antônio Bento do Nascimento foi conduzido à delegacia, mas as máquinas permanecem no local devido à ausência de motorista para conduzir os tratores à Delegacia de Polícia Civil.

O Ministério Público do Estado de Rondônia informou que diante de notícia sobre a utilização de máquinas do Município de Guajará-Mirim em propriedade rural pertencente ao marido da Prefeita da Cidade, encaminhada ao plantão do Ministério Público na data de 12/01, foi instaurado expediente em matéria de improbidade administrativa, a fim de colher maiores elementos de informação acerca dos fatos, o que poderá implicar na abertura de Inquérito Civil Público.

Dentre as diligências consignadas em despacho preliminar do Promotor de Justiça está a requisição de esclarecimentos à Prefeitura de Guajará-Mirim acerca da existência de máquinas públicas em propriedade rural particular, devendo a gestora justificar sua eventual utilização, além da suposta evasão dos operadores das máquinas com a chegada da Polícia Militar. Deve ainda ser remetido documento escrito autorizador do uso das referidas máquinas.







ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 (69) 3322-2589

Visitas: 380357 | Usuários Online: 15

Plan FM - Sua Melhor Companhia! - Todos os direitos reservados

Converse conosco pelo Whatsapp!